Telefone e Whatsapp:

(11)983607333

Email

contato@terapeutas.org.br

Rua São Bento, 470 - SALA 810 - Centro - São Paulo/SP

De segunda a sexta-feira das 10h às 18h

A ozonioterapia é uma das centenas de terapias naturais que mais cresce em número de profissionais, assim como de pessoas que se beneficiam com seus resultados eficientes e muitas vezes impressionantes.

São inúmeros os relatos de feridas de difícil cicatrização que se curam em poucas semanas, pessoas que sofriam dores persistentes que tiveram alívio parcial ou total, e até mesmo relatos de eliminação de fungos, micoses, vírus e bactérias através do tratamento com ozônio.

Dentistas há anos já descobriram os benefícios da ozonioterapia na periodontia conforme se verifica pelo artigo no Journal of Medicine and Life publicado em 2012.

Biomédicos já discutiam cientificamente os benefícios da ozonioterapia desde 1999 conforme artigo no British Journal of Biomedical Science.

Existem hoje inclusive pesquisadores em busca de comprovação científica no tratamento para SARS-COV-2 também conhecida como COVID-19 conforme artigo publicado no site DIÁLOGOS MÉDICOS que você pode conferir abaixo:

https://medicaldialogues.in/medicine/news/ozone-therapy-a-plausible-cost-effective-treatment-for-corona-virus-64770

Farmacêuticos, fisioterapeutas, cosmetólogas, enfermeiros, e todas as demais profissões da saúde já sabem dos benefícios e excelentes resultados que a ozonioterapia pode alcançar. Todavia, ser um OZONIOTERAPEUTA implica em fazer um curso específico de formação. E cada uma das profissões regulamentadas da área da saúde tem uma portaria específica limitando a atuação, ou a aplicação da ozonioterapia. No sentido jurídico, a título de exemplo, um profissional formado em farmacologia tem dois caminhos: atuar como um farmacêutico especializado em ozonioterapia, e estar adstrito aos recursos que seu conselho de classe autoriza, ou seguir outro caminho atendendo apenas como OZONIOTERAPEUTA. E neste caso, visto que não há lei federal regulamentando a profissão, todas as competências e técnicas que lhe foram transmitidas no curso de formação estão automaticamente autorizadas, pois neste caso não é o “farmacêutico” ou o “biomédico” que estará atuando profissionalmente, e sim o TERAPEUTA NATURALISTA/TERAPEUTA HOLÍSTICO COM FORMAÇÃO EM OZONIOTERAPIA.

Neste sentido, estar registrado na Associação Nacional dos Terapeutas e ter sua Carteira Nacional de Terapeuta é extremamente recomendável pois em uma situação de violação do livre exercício profissional, o terapeuta poderá ter o devido respaldo jurídico, legal, e eventualmente até judicial, oferecido pela ANT.

É livre o exercício de qualquer trabalhoofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei estabelecer” (artigo 5º, inc. XIII, da Constituição Federal). A regra constitucional é a liberdade do exercício de qualquer trabalhoofício ou profissão.

– Afonso William Ribeiro é advogado em São Paulo, pós graduado em docência do ensino superior, hoje cursando Letras. Atuou como massoterapeuta, acupunturista, quiropraxista e naturopata de 1998 a 2015 e é presidente da Associação Nacional dos Terapeutas – ANT.

Contato: afonsoribeiro@terapeutas.org.br

Recommended Articles

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *